Histórias em Quadrinhos e atualidades no vestibular

As histórias em quadrinhos são uma ótima opção para aprender atualidades e história com prazer e diversão.

A mais importante publicação de atualidades, o Guia do Estudante – Atualidades Vestibular + ENEM sempre dedica páginas com sugestões de obras para leitura.

Eu que trabalhei anos como editor de quadrinhos e sou leitor de HQs desde de que aprendi a ler, também considero que os quadrinhos podem ajudar muito nas provas do Vestibular e do ENEM.

Por isso publico a dica abaixo de que a Devir, livraria e editora especializada em quadrinhos, está realizando um grande evento no próximo final de semana:

Devir realiza a Maratona HQ

A editora Devir realiza a partir desta quinta-feira, dia 11, às 22h, a quinta edição da Maratona HQ, um evento que reúne fanáticos por quadrinhos.

O evento segue até domingo, às 16h, acontece uma vez por ano e oferece quadrinhos importados e nacionais com descontos de 20% até 80%.

Dentre os destaques, vários títulos de RPG; feira de jogos e quadrinhos usados; gincana de quadrinhos; caricaturas; quadrinhos independentes; palestras; oficinas; presença de artistas; e muito mais.

O evento traz ainda os Contos da madrugada, a criação de uma HQ da meia-noite às seis da manhã, aberta aos autores e desenhistas presentes e que quiserem participar.

Confira a programação completa do evento e outras informações clicando aqui.

A Maratona HQ será realizada na Rua Teodureto Souto, 624 – Cambuci. São Paulo/SP. Informações pelo telefone 11 2127-8787.

Marcelo Naranjo in “Universo HQ” – 07/12/2009

Não sabe por onde começar? Algumas sugestões de leitura para vocês:

Os três livros de Guy Delisle publicados pela editora Zarabatana são ótimos para entender o leste asiático: Pyongyang (Coreia do Norte), Crônicas Birmanesas (Myanmar) e Shenzhen (China)


O livro do autor espanhol Angel de La Calle, Modotti, uma mulher do século XX , publicado pela Conrad não é apenas uma biografia dessa artista, comunista e feminista italo-mexicana. É mais do que isso. É um livro sobre a história das vanguardas intelectuais e políticas do começo do século XX.


Outro livro espetacular é A Relíquia do Eça de Queiróz, adaptado pelo gênio dos quadrinhos nacionais Marcatti. A obra além de seu valor literário tem um importante valor histórico, como explica o prefácio, ao situar esse clássico da literatura portuguesa como um manifesto anticlerical.

Outro autor que deve estar na lists de leitura é Will Eisner. Ele é para muitos, o mais importante nome da narrativa gráfica (uma das nomeclaturas dos quadrinhos). Ele fez inúmeras adaptações e escreveu belas histórias que valem a pena serem lidas. A Devir publicou várias delas e a Companhia das Letras publicou algumas outras, entre elas o O Complô, livro sobre a farsa dos Protocólos dos Sábios de Sião.


Outro autor que merece atenção é Fernando Gonzalez e seus bichos de todos os tipos, mas em particular seu rato Níquel e sua barata Náusea da tiras de Níquel Náusea.


Não chega a ser uma recomendação para estudo, mas é ótimo para relaxar. Vejam uma tirinha:


O gênero do jornalismo em quadrinhos tem um pai: Joe Sacco, o quadrinista maltês, radicado nos EUA.


Sua obra toda é obrigatória para quem quer entender os conflitos na Palestina com os livros Palestina: uma nação ocupada e Palestina: na Faixa de Gaza e sobre os Balcãs com Goradze e Sarajevo.


Você já se perguntou onde foram parar os negros escravizados na Argentina? A Guerra do Paraguai para as terrar portenhas foi um instrumento de limpeza étnica, mais que a ação do Duque de Caxias na mesma guerra no Brasil. Mas os autores Hugo Pratt e Millo Manara mostram um pequeno corte na história da Argentina, ainda com seus terreiros na obra El Gaúcho.


MAUS – A história de um sobrevivente de Art Spiegelman é outro livro obrigatório.


Essa premiada obra retrata a Segunda Guerra Mundial de modo devastador. Ele filho de sobreviventes do holocausto nazista. Imperdível.


Tanto falau do Irã nos últimos dias, com a visista de Mahmoud Ahmadinejad, presidente dessa república islâmica, ao Brasil.


O Irã, alvo predileto dos analistas, sobre uma potencial nova guerra no Oriente Médio, é retratado em Persépolis (edição completa) de Marjane Satrapi. Essa obra também foi adaptada para Cinema e DVD em animação.


D. JOÃO CARIOCA – A corte portuguesa chega ao Brasil (1808-1821) é um divertido HQ sobre o Brasil, capital do Império Português. Escrito pela historiadora Lilia Moritz Schwarcz e desenhado pelo Spacca.


Sobre o Brasil colonia há Hans Staden – Um Aventureiro no Novo Mundo de Jô Oliveira. Esse livro é uma adaptação em quadrinhos do primeiro livro escrito sobre o Brasil, pelo aventureiro alemão que esteve no Brasil no século XIV e foi preso pelos Tupinambás e quase virou o prato principal das refeições deles.


Já sobre a Velha República há o espetacular Chibata – João Cândido e a revolta que abalou o Brasil que resume de modo belo a vida desse herói do povo brasileiro e de sua luta contra os castigos físico nas Marinha Brasileira. E João Cândido é herói mesmo.

No ano passado, por iniciativa do senador Paulo Paim (PT-RS), o presidente da república Luiz Inácio Lula da Silva incluíu Cândido no Livro de Aço do Pateão da Pátria e da Liberade – Tancredo Neves, também conhecido como Livro dos Heróis da Pátria. Mais que qualquer X-Men ou Superman, João Cândido foi um herói negro do povo brasileiro. E essa história escrita por Hemetério e Olinto Gadelha merece estar em todas as bibliotecas.

Está sem grana? Quer ler sem pagar?

Para quem estiver sem grana e quiser ler, pode ir até a Gibiteca Henfil, no Centro Cultura São Paulo (Av. Vergueiro, 1000 – em cima da estação do Metro Vergueiro). Lá dá para ler essas HQs e muitas outras gratuitamente.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s